O right tackle La’el Collins deve voltar aos treinos de quinta-feira pela primeira vez em mais de duas semanas segundo o técnico Jason Garrett.

Collins tem sido segurado por uma lesão nas costas, que tem causado dores no jogador e o limita nos treinos.

Collins não treinou nas últimas duas semanas antes dos jogos contra os Redskins e contra os Giants, mas jogou nos dois jogos. A expectativa é que o jogador jogue no domingo contra Oakland.

“La’el tem feito um ótimo trabalho nas últimas semanas em que não consegue treinar, mas mesmo assim participa dos jogos,” disse Garrett. “Ele é um daqueles jogadores que fica cada vez melhor. Ele ama jogar futebol americano, ele é muito físico e eu acho que ele está aprendendo e crescendo com a experiência que tem.”

Assim como Collins, o left tackle Tyron Smith também tem sido freado por uma lesão nas costas. Smith e Collins não treinaram na quarta-feira. Smith, que deve voltar aos treinos na quinta-feira, perdeu a maioria dos treinos de quarta-feira com o objetivo de descansar suas costas. No ano passado, Smith sofreu com uma hérnia e as suas dores nas costas voltaram durante o training camp e não pararam mais.

Os Cowboys estão esperançosos que o jogador de linha defensiva David Irving possa retornar aos treinos também no fim dessa semana. Irving perdeu o jogo do último domingo contra os Giants com uma concussão e não chegou nem a viajar com o time. Ele não treinou na quarta-feira.

O cornerback Orlando Scandrick (costas), o recebedor Brice Butler (pé) e o tight end James Hanna (joelho) também não treinaram na quarta-feira, Scandrick não viajou com o time para Nova Iorque no domingo devido à duas fraturas nas costas.

O defensive tackle Maliek Collins (pé), o linebacker Justin Durant (concussão) e o linebacker Sean Lee (coxa) treinaram de forma limitada na quarta-feira. Durant também não viajou com o time para Nova Iorque no domingo passado.

Rafael Loureiro

Rafael Loureiro

Colaborador em Blue Star Brasil
Calouro, vindo de Santa Maria-RS, 18 anos, 6' 157 lbs e escolheu não correr o 40 yard dash. Viciado em NFL e apaixonado pelo Dallas Cowboys, agora compõe a equipe do Blue Star Brasil.
Rafael Loureiro