Cowboys deve reestruturar o salário de Tony Romo para criar espaço no...

Cowboys deve reestruturar o salário de Tony Romo para criar espaço no cap

962
Foto: Richard Rowe/US PRESSWIRE

Com o grande número de decisões a tomar no período de free agency, o Dallas Cowboys vai precisar de todo espaço possível no salary cap. Com isso, Tony Romo pode acabar entrando na história e ter seu contrato reestruturado novamente.

De acordo com Drew Davison do ForthWorth Star-Telegram, o Dallas Cowboys deve fazer uma reestruturação simples no contrato de Romo pelo segundo ano consecutivo, transformando seu salário de quase 17 milhões de dólares em bônus, aumentando o cap hit dos anos seguintes de seu contrato.

“Nós acreditamos que qualquer coisa que você prolongue e não usa vai te custar espaço no cap que você poderia usar para outro jogador”, disse Jerry Jones. “Em um jogador mais velho, quanto mais você põe (a parte garantida do contrato) no futuro, menor a chance de você estar disposto a usá-la. Esse é o ponto. Esse é o truque”.

“Em outro ponto, o esforço é para agora é juntar todo o valor que pudermos usando esses dólares e essa é a arte do negócio. Eu vou te dizer que quando eu vejo para Tony, eu certamente vejo quatro ou mais cinco anos (de carreira), então nada me assusta (em colocar a parte garantida do contrato) quatro ou cinco anos a frente.”

Enquanto isso eventualmente fará o cap hit estourar no futuro, o que já aconteceu diversas vezes nos últimos anos, Jones disse que sua prioridade é colocar um bom elenco em volta de Romo agora.

“Isso (cap hit) foi cuidadosamente pensado quando fizemos o contrato com Tony”, disse Jones. “Nós sabíamos que com o passar do tempo haveria essa realocação e o melhor jeito de fazê-lo é com seu salário, dessa forma poderemos colocar o melhor grupo  possível junto”.

As reestruturações, sempre boas no ano vigente, trazem consequências no futuro. Enquanto Romo estiver saudável e o o Cowboys continuar a vencer, não haverá críticas. Porém, em algum determinado momento isso não acontecerá mais, e Jerry Jones deverá estar pronto para isso.

Gabriel Plat

Editor-Chefe em Blue Star Brasil
Curte NFL por escolha e o Dallas Cowboys por amor. Aprecia a boa música e compartilha outro sofrimento: o Botafogo. Um dos participantes do podcast.