A espera acabou! Ao menos por um tempo, é verdade. Depois de meses de offseason, o Dallas Cowboys voltou aos gramados para seu primeiro jogo de pré-temporada. Apesar do bom primeiro com parte dos titulares e Dak Prescott em campo, o Cowboys sofreu a virada no fim da partida e perdeu por 28 a 24 para o Los Angeles Rams.

 

O Jogo

Após ganhar o cara-ou-coroa e escolher receber, provavelmente nem o Dallas Cowboys esperava começar a partida de forma tão avassaladora. Logo no retorno de kickoff, Lucky Whitehead resolveu retornar e só parou na endzone adversária. Touchdown e silêncio dentre o público de Los Angeles.

Forçando um punt do Rams, Dak Prescott entrou pela primeira vez em campo e fez bonito. Em seis minutos de campanha, Dak conduziu o time para 80 jardas até o touchdown em uma espetacular jogada de Dez Bryant. Na metade do primeiro quarto, o jogo já estava 14 a 0 para o Time da América.

A resposta do time da casa foi imediata. Assim como o Cowboys, o Rams também conseguiu sua campanha de 80 jardas, dessa vez com um touchdown terrestre de Benny Cunningham. E mais uma vez, o Cowboys respondeu rápido em outro drive perfeito de Dak Prescott. O fim dele foi em um sensacional passe de 32 jardas para Terrance Williams para o TD, que aumentou a vantagem para 21 a 7.

No segundo quarto, os times já começaram a colocar reservas em campo e com o Rams isso significou Jared Goff em campo. Na sua segunda jogada, no entanto, Goff foi interceptado por Mark Nzeocha, que colocou o Cowboys no campo de ataque. Por conta de três faltas e um sack, a campanha terminou apenas com um field goal de Dan Bailey para colocar 24 a 7 no placar. O Rams até tentou uma pontuação no fim do primeiro tempo, mas Goff sofreu um lindo sack de Shaneil Jenkins para acabar com a campanha.

Entrando no segundo tempo, o time do Cowboys consistia apenas de reservas e de reservas dos reservas. Na posição de quarterback, Jameill Showers entrou no lugar de Dak Prescott e sua única jogada de destaque foi um milagroso passe de 47 jardas para Vince Mayle depois de escapar de um sack certo. Já do lado do time da casa, a vantagem foi diminuída com passe de Sean Mannion para Chase Reynolds. Touchdown e 24 a 14 para o Cowboys. Ao fim do terceiro quarto, Deji Olatoye ainda conseguiu interceptar Mannion, renovando as esperanças para Dallas.

O último quarto, porém, mostrou mais ineficiência do ataque reserva do reserva do Cowboys. Sem conseguir avançar com a bola, o time deu oportunidades para o Rams diminuir a vantagem e isso aconteceu. Em outra campanha, Sean Mannion conduziu o Rams para outro TD, dessa vez para Nate Spruce em um passe de sete jardas. Com sete minutos restantes, o Cowboys precisava segurar uma vantagem de apenas três pontos.

Com mais do mesmo, o ataque não conseguiu gastar o relógio e o Rams aproveitou a oportunidade dada. Em uma longa campanha, o touchdown da vitória do time da casa saiu na primeira jogada depois do two minute warning, em outro passe de Sean Mannion.

No desespero, o Cowboys voltou ao ataque precisando pontuar para vencer e não conseguiu nada. Após um passe incompleto em uma quarta descida, restou para o Rams ajoelhar e consagrar a virada.

 

Melhores Momentos

Todos os direitos do vídeo reservados para a NFL

 

Números

 

Coletivos
 Estatística Dallas Cowboys Los Angeles Rams
 Jardas Aéreas 335 373
 Jardas Terrestres 105 139
 Jardas Totais 440 512
 First Downs 13 25
 Turnovers Sofridos 0 2
 Faltas (jardas) 10 (87) 2 (13)
 Tempo de posse  28:50 31:10

 

Individuais
  • Passando

Dak Prescott: 10/12, 139 jardas, 2 TD, 0 INT. Rating: 154,51
Jameill Showers: 8/16, 99 jardas, 0 TD, 0 INT. Rating: 69,53

Case Keenum: 6/7, 58 jardas, 0 TD, 0 INT. Rating: 101,19
Jared Goff: 4/9, 38 jardas, 0 TD, 1 INT. Rating: 17,12
Sean Mannion: 18/25, 147 jardas, 3 TD, 1 INT. Rating: 109,5

  • Correndo

Darius Jackson: 12 att, 47 jardas
Alfred Morris: 3 att, 11 jardas
Benny Cunningham: 4 att, 11 jardas, TD
Malcolm Green: 8 att, 66 jardas

  • Recebendo

Terrance Williams: 1 rec, 32 jardas, TD
Dez Bryant: 2 rec, 28 jardas, TD
Cole Beasley: 2 rec, 23 jardas
Nelson Spruce: 6 rec, 51 jardas, TD
Tyler Higbee: 5 rec, 49 jardas
Aaron Green: 4 rec, 37 jardas, TD

 

Pontos Positivos
  • Dak Prescott

Impossível falar de pontos positivos do jogo sem falar de Dak Prescott. O calouro mostrou muita segurança no tempo em que estava em campo e bastante precisão, completanto passes longos para Butler, Dez e T-Will. Seus únicos dois passes errados na partida foram drops do recebedor, ou seja, não foram culpa dele.

  • Dez Bryant

Ele está de volta! Foram poucos minutos em campo e apenas duas recepções, mas e daí? Dez mostrou que está pronto para temporada, principalmente por conta da sua linda recepção para touchdown. Pelo sem tempo de jogo, nem parece que o jogador passou por cirurgias alguns meses atrás.

  • Cedric Thornton

O recém contratado defensive tackle teve uma participação muito sólida na partida. Apesar de nenhum sack, Thornton mostrou bastante agilidade e explosão no momento do snap, colocando a linha ofensiva adversária em uma posição bastante desconfortável.

 

Pontos Negativos
  • WR Andy Jones

Para um wide receiver que precisa mostrar serviço se quiser ganhar uma vaga no elenco, Andy Jones foi muito mal. Em três bolas lançadas em sua direção, Andy Jones só conseguiu receber uma delas, para apenas nove jardas. Muito pouco.

  • OT Chaz Green

A escolha de terceira rodada de 2015 mostrou muito pouco pelo que foi investido no jogador um ano atrás. Foram três faltas que prejudicaram a continuação do ataque e uma proteção não tão boa. Sabe o lance que Jameill Showers só não sofreu o sack por conta de uma jogada milagrosa? Falha do Green.

  • J.J. Wilcox

Para um jogador que era titular até o ano passado, ver um desempenho ruim em um jogo de pré-temporada é decepcionante. 2016 chegou e J.J. Wilcox continua com erros de posicionamento e ângulos ruins na hora do tackle. É melhor ele progredir se quiser se manter no Dallas Cowboys para o ano que vem.

 

Próximo Jogo

Depois desse jogo, o Cowboys voltará para Dallas para enfrentar o Miami Dolphins em casa. A partida será na sexta-feira e não terá transmissão no Brasil. Nosso tempo real em nosso twitter, é claro, estará presente.

Gabriel Plat

Editor-Chefe em Blue Star Brasil
Curte NFL por escolha e o Dallas Cowboys por amor. Aprecia a boa música e compartilha outro sofrimento: o Botafogo. Um dos participantes do podcast.