Ezekiel Elliott e Dak Prescott estão passando por um bom momento — dentro e fora de campo. Depois da anual festa de natal do time na noite de segunda-feira, os calouros foram flagrados por um vídeo da TMZ estourando champanhe em uma casa noturna.

E eles pareceram estar se divertindo.

“Eu tenho 23 anos”, disse Prescott na quarta-feira. “Eu vou me divertir. Sou uma pessoal normal. Eu amo esse esporte. Quando eu venho aqui, estou sendo apenas profissional, mas eu separar as duas coisas”.

Prescott disse que seu tempo em Mississippi State o preparou para os problemas que ele for encarar na NFL.

“Ir para Mississippi State, uma unversidade conhecida por ter bastante sucesso no futebol americano e por ir lá e ter sucesso como tivemos nos dois anos que estive lá, principalmente o ano (2014) que fomos número 1. Sim, isso definitivamente me mostrou o que os holofotes fazem, como se acostumar com isso e se preparar para o TMZ ou qualquer coisa que esteja lá”, disse Prescott.

Prescott acrescentou que ele se previne quando aparece em público, sabendo que os holofotes sempre estarão virados para ele não importa o que ele faça.

“Eu preciso ser esperto”, disse Prescott. “No fim do dia, preciso ser esperto sobre minhas decisões, saber que tudo tem uma consequência, pro bom ou pro ruim”.

O Cowboys teve três dias de folga após a vitória sobre o Vikings na quinta-feira. Eles tiveram um treino leve na segunda com a anual visita para o hospital pela minhã e a festa de natal na tarde. Os jogadores então tiveram o dia de folga na terça-feira para atender o requerimento da liga de ter um dia de folga por semana.

Quando foi perguntado o que fez em sua folga, Elliott disse: “Fiquei em casa e descansei”.

 

Gabriel Plat

Editor-Chefe em Blue Star Brasil
Curte NFL por escolha e o Dallas Cowboys por amor. Aprecia a boa música e compartilha outro sofrimento: o Botafogo. Um dos participantes do podcast.