Escobar? Garrett explica porque não o usou contra o 49ers

Escobar? Garrett explica porque não o usou contra o 49ers

198

(foto: http://www.nbcdfw.com/)

 

Com Scott Linehan chamando as jogadas do Dallas Cowboys, esperava-se que os tight ends tivessem uma participação maior nos jogos, especialmente Gavin Escobar. O que aconteceu, porém, foi justamente o contrário: Escobar participou apenas de nove snaps, com apenas uma bola tendo sido lançada em sua direção.

A participação tímida de Escobar foi surpresa até para ele, que comentou o caso.

“Sim, eu esperava jogar mais”, disse Gavin. “Eu sempre espero estar no campo o máximo possível, mas o time começou perdendo muito cedo”.

Escobar machucou seu ombro na pré-temporada, mas não fez o jogador perder muito tempo de treino. Apesar disso, Gavin está usando uma proteção extra para prevenir futuras lesões. Sobre isso, Escobar disse que o ombro não está incomodando e não contribuiu para a falta de snaps jogados. Jason Garrett, entretanto, pensa diferente.

“Gavin teve problemas no ombro durante as últimas semanas da pé-temporada, então ele não participou tanto dos jogos quanto esperávamos e gostaríamos que ele tivesse jogado”, disse.

Garrett também disse que o placar elástico já no início da partida também influenciou no número de snaps que Escobar participou.

“Quando você fica atrás do placar dessa maneira, você acaba colocando mais formações de três wide receivers em campo, e foi exatamente isso que fizemos”, disse Garrett. “Apesar disso, Gavin se desenvolveu bem, tanto quanto um run blocker e certamente como um recebedor no último ano, então nós antecipamos mais ações para ele ao longo do ano”, finalizou.

Apesar de estar perdendo por 21 a 3 já no primeiro quarto de jogo, o Cowboys teve formações com dois tight ends, e, na maioria das vezes, eram Jason Witten e James Hanna em campo. Hanna, por exemplo participou de quatro snaps a mais que Gavin Escobar.

Tendo em conta todos os jogadores de ataque, apenas Lance Dunbar, Jermey Parnell e Tyler Clutts tiveram menos snaps que Escobar. Dwayne Harris teve os mesmos nove.

Gabriel Plat

Editor-Chefe em Blue Star Brasil
Curte NFL por escolha e o Dallas Cowboys por amor. Aprecia a boa música e compartilha outro sofrimento: o Botafogo. Um dos participantes do podcast.