“Eu sou a peça que falta para os Cowboys”, afirma Cromartie

“Eu sou a peça que falta para os Cowboys”, afirma Cromartie

640
Photo by Jennifer Stewart/Getty Images

Notícia: Os Cowboys tem problemas na posição de cornerback. Antonio Cromartie quer realizar um sonho de criança: jogar por Dallas.

“Eles [Cowboys] não começaram a ganhar o Super Bowl até quando? Até o Deion [Sanders] chegar”, argumentou Cromartie. “Eles só estão precisando de mais uma peça naquela secundária, e eu acho que sou aquela peça que ajudará os Cowboys a ganharem o Super Bowl.”

Cromartie pode ser um fã do Cowboys, mas se equivocou na declaração. Cromartie disse que o Cowboys dos anos 90 não ganhou Super Bowls antes da chegada de Deion Sanders. Na verdade, o time ganhou dois Super Bowls antes de Sanders assinar como um free agent, com o defensive end Charles Haley sendo essa “peça que faltava”.

Com Sanders, o Dallas Cowboys ganhou o Super Bowl XXX.

Os Cowboys já expressaram interesse pelos serviços de Cromartie, assim como Jets e Cardinals.

Antonio Cromartie, de 30 anos, jogou ano passado pelos Cardinals à $3.5mi. Os Cowboys acabaram de reestruturar o contrato do tackle Tyron Smith para liberar $8mi.

A nova filosofia de Jerry Jones: Desde a última temporada, os Cowboys decidiram não fazer mais loucuras na free agency. Cada jogador que Jerry Jones e Stephen Jones trouxer, será porque o jogador aceitou os termos dos Cowboys. Assim como o front office não quer dar os $7-10mi que DeMarco Murray está procurando – e não achando –, os jogadores terão que aceitar o que os Cowboys acham justo.

Talvez, Cromartie aceite um contrato que os Cowboys estão negociando para realizar seu sonho. Talvez, ele não aceite. Mas uma coisa é certa, os Cowboys não farão loucura nenhuma por jogador nenhum.

Rafa Yamamoto

Rafa Yamamoto

Dono do posto de editor mais bonito do Blue Star Brasil, Rafa Yamamoto é redator e apresenta o Podcast.
Rafa Yamamoto