Finalmente o Dallas Cowboys conheceu o seu adversário nos playoffs. Com a derrota dos Lions sobre os Seahawks no sábado, o torcedor de Dallas precisou esperar o jogo de hoje para descobrir seu oponente. No frio de Green Bay, os Packers venceram o New York Giants pelo placar de 38 a 13 e avançaram para os playoffs de divisão, que ocorre na semana que vem. Os Cowboys terão a oportunidade de se vingar da derrota para os Packers nos playoffs de 2014.

Green Bay entrou em campo não querendo perder pela terceira vez em pós-temporada para Eli Manning e para os Giants. Mas o time não começou bem. Enfrentando a forte defesa nova-iorquina, Aaron Rodgers teve bastante dificuldade e o time foi para o punt diversas vezes. A defesa dos Packers apareceu e conseguiu limitar Eli Manning e o ataque adversário a apenas 6 pontos.

A partir do segundo quarto, Rodgers começou a fazer mágica. Conseguiu dois lindos touchdowns no segundo quarto, incluindo um por meio de uma Hail Mary nos segundos finais do primeiro tempo. Na segunda etapa, o quarterback começou a pegar fogo e anotou mais dois touchdowns, terminando a partida com 362 jardas e 4 touchdowns, sendo três deles para o recebedor Randall Cobb.

Foi a sétima vitória seguida dos Packers em 2016. Vale lembrar que os Cowboys já venceram Green Bay este ano, em partida válida pela semana 6, no Lambeau Field pelo placar de 30 a 16. Na ocasião, Ezekiel Elliott teve um jogo de 157 jardas e Dak Prescott anotou 3 touchdowns.  O time dos Packers melhorou muito desde então e promete dar muito trabalho ao melhor time da NFC de 2016.

O Green Bay Packers foi o responsável pela última derrota dos Cowboys nos playoffs. Na ocasião, um lance muito polêmico marcou a partida. Num passe de Tony Romo para Dez Bryant marcado como completo, a arbitragem reverteu a decisão e marcou passe incompleto. Com isso, os Cowboys não puderam continuar a campanha que poderia dar a virada no placar e acabaram perdendo pelo placar de 26 a 21.

A partida entre Cowboys e Packers ocorre no dia 15 de janeiro, às 19h30 no horário de Brasília.  Em uma análise sobre qual dos três possíveis adversários seria o mais complicado para os Cowboys, escolhemos os Packers como o pior deles. Você pode saber o porquê  clicando aqui.

Rafael Freitas

Rafael Freitas

Fã do Dallas Cowboys desde 1996, sonha em ver o time de volta ao Super Bowl. Mais novo integrante do Blue Star Brasil
Rafael Freitas