Jason Garrett: “Nós fomos feitos para esse tipo de jogo”

Jason Garrett: “Nós fomos feitos para esse tipo de jogo”

690
Foto: Matthew Emmons/USA Today Sports

Nas vésperas da rodada divisional da pós-temporada, Jason Garrett deu uma entrevista logo após a sessão de treinos dessa quinta-feira. Falando sobre o chamado Ice Bowl II, Jason Garrett respondeu perguntas sobre o estilo de jogo mais físico do Dallas Cowboys, a queda de produção de DeMarco Murray e, claro, da temperatura da partida de domingo.

 

Pergunta: “O que você quer ver nos playoffs em janeiro em Geen Bay é um time com um forte ataque terrestre e que seja físico?”

Jason Garrett: Esse é o jeito que sempre queremos jogar. Isso é como nós tentamos construir esse time. Isso é como nós draftamos jogadores; isso é como trazemos jogadores na free agency; isso é como nós cortamos jogadores. É uma marca muito, muito importante.

Nós sempre queremos caras físicos. Nós queremos uma unidade ofensiva física. Nós queremos ser capazes de controlar a linha de scrimmage. Obviamente nós queremos ser físicos na defesa e no time de especialistas também. Nós sentimos que construímos um time do jeito certo, e definitivamente uma marca que achamos importante.

 

P: Muita gente continua falando sobre o tempo. Você disse sobre ser um time físico. Você está pronto para esse tipo de jogo?

Garrett: Eu acredito que fomos feitos para esse tipo de jogo, sem qualquer tipo de dúvida.

Esse tipo de jogo, um monte de jogos fora de casa no fim da temporada para nós, e a habilidade de correr com a bola e ser um time físico em todas as três fases permite que se viaje bem. E nós estamos animados por essa oportunidade.

 

P: Você diz bastante sobre “corridas sujas” durante essa época do ano. Você pode explicar o que é uma corrida suja?

Garrett: Um monte de gente ama a corrida longa. A corrida de 10-, 12-, 16-, 20- jardas.

Muito do jogo, nesse nível, particularmente nessa época do ano, é a corrida de 2-, 3-, 4- jardas onde o jogador consegue um avanço e te coloca em uma situação de terceira descida manejável.

Se você olhar para as corridas de DeMarco (Murray) ao longo do ano, você vê o que ele foi capaz de fazer. Ele tem algumas corridas características, onde ele realmente foi muito bem, (onde) nós bloqueamos no segundo nível, (onde) recebedores bloquearam bem, e essa é uma corrida longa que impacta no jogo.

Mas o maior impacto vem de jogada depois de jogada depois de jogada, ser capaz de correr com a bola e conseguir bons avanços contra a defesa. Nós fomos muito, muito bons em terceiras descidas durante todo ano. Um grande motivo é que foram terceiras descidas curtas, e o motivo disso é esse cara correndo de norte a sul.

Nossa habilidade de ser físico. A habilidade dele de correr e terminar corridas. Eu acho que isso teve um grande impacto no nosso time.

 

P: Com a produtividade baixa do jogo terrestre nas últimas semanas, os times estão fazendo mais para parar as corridas, ou estão diminuindo o ritmo das corridas, ou DeMarco está em baixa?

Garrett: Eu não vejo ele (Murray) em baixa. Eu acho que ele está jogando muito bem. Eu penso que ele foi incrível no jogo outro dia. Várias corridas sujas contra um time (Lions) que é muito bom em parar corridas. Eu acho que fomos muito equilibrados nesse último trecho, fizemos muitas jogadas no jogo aéreo, talvez em resultado do comprometimento dos adversários em parar o jogo terrestre.

Euacho que estamos jogando um football ofensivo muito bom, e ele (Murray) é uma parte disso, e nossa habilidade e comprometimento com a corrida impactou de forma muito favorável ao nosso jogo terrestre e isso fez nosso tipo de ataque ser muito difícil de ser parado.

I think we’re playing really good offensive football, and he’s a big part of it, and our ability and commitment to running it has really impacted us favorably in the passing game and really made us the kind of offense that’s hard to stop.

Gabriel Plat

Editor-Chefe em Blue Star Brasil
Curte NFL por escolha e o Dallas Cowboys por amor. Aprecia a boa música e compartilha outro sofrimento: o Botafogo. Um dos participantes do podcast.