Jerry Jones não soa como um proprietário que está pensando em fazer mudanças na equipe de treinamento do Dallas Cowboys.

Jones chamou Jason Garrett e sua equipe de “excelente” durante seu programa de rádio 105.3 The Fan na terça-feira de manhã.

Garrett e sua equipe receberam críticas por não fazer os ajustes corretamente nos últimos jogos. Os Cowboys perderam três lideranças no placar quando foram para o intervalo vencendo nesta temporada, e foram superados por um combinado de 47-0 na segunda metade das últimas duas semanas, nas derrotas para Atlanta Falcons e Philadelphia Eagles.

“Eu vi treinadores, para um homem, fazer ótimas mudanças em seu tempo com os Cowboys. Então, eu sei que eles se ajustam”, disse Jones. “Eles podem não se ajustar no momento certo em uma série de jogadas. Eles podem não se ajustar no momento certo em um jogo de bola, e eles podem perder alguns jogos. Mas esta é uma equipe de treinadores realmente notável.”

“Estou muito orgulhoso de tê-los compondo nosso pessoal, e a forma como nossos jovens foram treinados com essa equipe. Eu acho que isso nos dá a melhor chance de melhorar quando precisamos. E, portanto, não posso dizer para eles, ‘Pessoal, vocês precisam mudar sua filosofia. Vocês precisam mudar seus detalhes. Tudo o que você pode dizer é que você sabe que está mais atento ao que devemos ter feito, ou no caso de um assistente, o que o treinador principal espera deles. Então, estamos tendo esses ajustes e eu entendo e eles também”.

“Aqui é quando você vai para a crítica, assim como quando olhamos e dizemos:” Bem, parece que você está desprovido de talento. Você precisa de mais talento. “Eu aceito isso. Isso vem com a crítica”.

Garrett está em sua sétima temporada completa como treinador dos Cowboys depois de assumir no meio da temporada de 2010. Ele tem um recorde combinado de 61-48, ganhando um par de títulos da NFC East.

O coordenador ofensivo Scott Linehan está com o time desde 2014 e o coordenador defensivo Rod Marinelli desde 2013.

Carlos Ramalho

Carlos Ramalho

Colaborador em Blue Star Brasil
Sofreu do famoso amor à primeira vista com a NFL em 2010 e se encantou com os Cowboys no mesmo ano. Desde então, segue fielmente o Time da América!
Carlos Ramalho