A novela Ezekiel Elliott não tem fim. Elegível também para o jogo domingo, contra o Washington Redskins, Elliott já havia explicado na semana passada, antes do jogo contra o 49ers o porquê de ainda continuar com a batalha jurídica.

Agora, o Hall da Fama Michael Irvin disse que entende o motivo de Elliott ainda está lutando.

Irvin sabe o que é ter que defender o seu próprio nome. Ele já foi punido diversas vezes pela lei e pela NFL por seus atos como membro do Dallas Cowboys e em sua vida pessoal que a opinião dele sobre Elliott é relevante.

Ezekiel Elliott tem sido inflexível e está brigando para provar que ele é inocente, entretanto muitos especialistas alegam que se a NFL tem seus motivos para suspender o jogador, significa que ele é culpado. Mas Irvin queria lembrar as pessoas, em sua aparição na rádio 105.3 The Fan, que os tribunais já descobriram que Elliott não é culpado.

“Nós continuamos falando sobre ele brigando por seu nome, brigando por sua inocência,” disse Irvin nesta segunda-feira em sua entrevista semanal para a rádio The Fan 105.3. “Sua inocência já foi comprovada pela polícia”.

Para Irvin a palavra da NFL não tem mais peso que os tribunais. Eles não encontraram nenhuma evidência de que os tribunais ignoraram. O wide receiver se mostrou inflexível com relação a sua opinião afirmando que Elliott não precisa vencer a NFL para provar que é inocente. Ele está lutando pela sua carreira, porque o seu nome já está limpo.

“Ele não está lutando por culpa ou inocência”, continuou Irvin. “Ele está lutando contra a liga na sua implementação de sua política de violência doméstica. Então, quando as pessoas me dizem que ele está lutando pelo nome e pela culpa ou inocência, ele já é inocente e vocês não deram isso a ele.

“A realidade desta situação em que este jovem está é… já foi provado que ele é inocente, ou o que quer que você queira chamar, pela polícia. Ele não está brigando por isso”.

Michael Irvin evidenciou a opinião de muitos: a NFL misturou os fatos e perdeu a verdade. Em um texto de opinião isso já foi discutido pela equipe do BLue Star Brasil: A punição certa para o cara errado.

A punição de Elliott é baseada em conexão que o sistema judiciário não encontrou. Esta “novela” já perdeu o sentindo, mas continua sendo foco quando o assunto é Dallas Cowboys.

Independente de opinião, e olhando para os fatos: a liga não tem nada que condene Elliott uma vez que você é inocente até que se prove ao contrário. E a NFL ainda fez isso.

Por mais que haja muitos “se” isso não é o suficiente para provar sua culpa.

De fato, esta briga judicial é entre a NFL posicionando de maneira intolerante a qualquer tipo de violência doméstica e Ezekiel Elliott não querendo ser taxado como agressor e ser o exemplo para evitar possíveis casos como este.

E nem no desfecho dessa história haverá um lado certo e errado.

Karolyne Brum
Sigam-me

Karolyne Brum

Colaboradora em Blue Star Brasil
Estudante de Administração. Apaixonada por NFL desde 2012 e fanática pelo America's Team desde então. É colaborada do NFL Luluzinha e se juntou ao Blue Star Brasil, atualmente sendo a única garota da equipe.
Karolyne Brum
Sigam-me