O texto abaixo é uma tradução de um texto de Bryan Broaddus, colunista no site oficial do Dallas Cowboys

É surreal finalizar esta série de notas da offseason de 2016.

Não apenas cobrimos o último treino do Cowboys em Valley Ranch — nós concluímos o último treino antes dos training camps. Isso significa que na próxima vez em que dissecarmos o treinamento do Cowboys, estaremos no ápice de nossa preparação para a temporada de 2016.

O tempo voa.

Aqui estão minhas notas para o último treinamento do minicamp desse offseason:

  • Do campo, pareceu que Terrance Williams bateu Deji Olatoye em uma rota “Stutter-Go” para um touchdown durante as atividades coletivas. Depois de voltar e dar outra olhada na jogada, Tony Romo teria sofrido um sack de Andrew Gachkar na blitz. Gachkar foi para o rush no momento perfeito depois que Tyrone Crawford conseguiu puxar o bloqueio de La’el Collins e Travis Frederick, o que permitiu Gachkar a chegar livre em cima do Romo.
  • Foi um bom treino do Chris Brown como wide receiver. Brown foi capaz de fazer duas recepções onde ele precisou se esticar bastante para a bola. A primeira veio durante as atividades coletivas na redzone, onde ele correu uma slant contra Arjen Colquhoun e Dak Prescott mandou a bola alta, mas Brown foi capaz de fazer a recepção. Depois, durante a parte de 2-Minute do treino, Brown executou outra slant, dessa vez entre Damien Wilson Deji Olatoye, e Jameill Showers lançou a bola em uma pequena janela e mais uma vez Brown foi capaz de fazer a recepção.
  • A defesa foi capaz de conseguir parar uma quarta para 4 jardas crucial no 2-Minute Drill. O ataque estava em uma bunch formation com Ed EaganChris BrownRico Gathers no lado direito. Após o snap, Brown e Eagan cortaram para direita e Gathers cortou para dentro. Kavon Frazier Jerimiah McKinnon foram capazes de dividir as rotas com Frazier marcando Gathers. Quando Showers fez o passe, Frazier conseguiu se impulsionar e tirar a bola das mãos de Gathers, impedindo a conversão.
  • Charles Tapper teve boas pressões jogando como edge rusher. O calouro foi capaz bater Ryan MackJared Smith em um twist-stunt com agilidade. Ele fez a mesma coisa com Mack para tirar Jameill Showers do pocket. Tapper continuou dando trabalho em ambos os lados da linha em ordem de achar seu melhor lugar como defensive end.
  • Eu gostei da jogada toss que Scott Linehan fez indo na formação Pistol. Alfred Morris se alinhou atrás de Kellen Moore e, no snap, ele fez a jogada dando a bola para Morris. Geoff Swaim fez um bom trabalho fechando o edge enquanto Charles Browns, Jake Brendel e Joe Looney bloqueavam. Com o edge fechado, Morris foi capaz de dar a volta sem problemas. Eu posso ver essa jogada sendo perfeita com Ezekiel Elliott.
  • Tony Romo achou várias maneiras de lançar para Cole Beasley nesses treinos. Jogando no slot, Beasley passou pela marcação de Anthony Brown, fazendo-o achar que ele ia cortar para fora enquanto ele cortou para dentro e tirou Brown de equilíbrio. Beasley acabou correndo até a endzone praticamente sem marcação. Vendo isso, Romo achou Beasley em um passe forte para pontuar.
  • Outra boa jogada de Alfred Morris bloqueando Jeremiah McKinnon em uma blitz. Morris foi capaz de conter McKinnon, que permitiu Kellen Moore tempo suficiente para achar Vince Mayle em uma rota drag na frente de Anthony Brown para um bom ganho. Morris continua mostrando uma ótima vontade em entender em executar suas responsabilidades quando falamos de proteção de passe.
  • Bem antes de filmarmos o “Mini Camp Live”, eu tive uma chance de de passar pelo Orlando Scandrick antes dele ir treinar as atividades da secundária e eu tenho que dizer que ele pareceu pronto para o Training Camp. Eu tenho certeza que o plano é ele ir treinando aos poucos, mas a agilidade, movimentação e confiança estavam lá. Ele não estava mancando ou andando devagar. Eu também estou aqui para escrever que suas habilidades com a bola parecem melhores. Ele estava segurando a bola melhor e demonstrando isso.
Vinícius Benassi

Vinícius Benassi

Torcedor do Dallas desde 2008, considera-se o maior torcedor dos Cowboys da Baixada Santista.
Vinícius Benassi