Morris Claiborne sente o joelho e deixa o treino mais cedo

Morris Claiborne sente o joelho e deixa o treino mais cedo

181

(foto: www.nbcdfw.com)

Depois de Sean Lee, Demarcus Lawrence e Matt Johnson, foi a vez de Morris Claiborne se lesionar. O jogador torceu o joelho direito durante os treinos e teve que sair de campo mais cedo. O departamento médico do Dallas Cowboys fará uma avaliação depois do treino para determinar a gravidade da lesão.

Jerry Jones disse não saber a gravidade da lesão do Claiborne, mas disse que “não está preocupado como estava no dia anterior com a lesão de Demarcus Lawrence”. Além disso, Jones disse não saber se a lesão de Morris o obrigará a passar por uma ressonância magnética.

“Jim Maurer se sentiu bem sobre isso (lesão de Morris Claiborne)”, disse Jones. “Nosso head trainer deu uma olhada. Certamente isso foi o suficiente para que (a lesão de Claiborne) seja examinada depois. Ele vinha sendo um de nossos destaques”.

Mo disse que seu joelho torceu quando sua chuteira ficou presa no chão no momento em que tentou fazer uma jogada contra um passe. Após a torção, Claiborne não participou do resto do treinamento, assistindo da beira do campo até o fim.

A comissão técnica do Dallas Cowboys estava muito esperançosa pelas performances de Claiborne nos treinamentos. Havia uma esperança de que essa temporada poderia ser a que Morris mostraria seu talento do college, que fez com que fosse selecionado na sexta escolha geral do draft de 2012. Durante os training camps dos últimos dois anos, Claiborne sofreu com lesões, o que comprometeu a sua pré-temporada.

Ao ser perguntado se ele teve um sentimento de “lá vamos nós de novo”, Claiborne disse: “não sei. Descobrirei isso mais tarde.”

Gabriel Plat

Editor-Chefe em Blue Star Brasil
Curte NFL por escolha e o Dallas Cowboys por amor. Aprecia a boa música e compartilha outro sofrimento: o Botafogo. Um dos participantes do podcast.