Talvez você tenha ouvido algum rumor sobre isso na segunda-feira. Após Tennessee falhar em conseguir contratar Greg Schiano, surgiram rumores de que o tight end veterano sairia dos Cowboys imediatamente se a posição de técnico da Universidade do Tennessee lhe fosse oferecida.

Witten é amigo de John Currie, o diretor dos programas esportivos da universidade onde o tight end jogou. O jogador disse que já teve inúmeras conversas com pessoas relacionadas ao programa, mas acrescentou, “Eu não falei com ninguém recentemente”, quando perguntado se ele deu sua opinião sobre quem deveria ser contratado.

Perguntado se ele havia informado alguém que ele aceitaria o trabalho, Witten deu risada e negou. Perguntado se ele conseguia ver isso acontecendo em 2018, “Não, eu não vejo isso.”

O jogador ainda disse que se tornar treinador é algo que ele consegue se imaginar fazendo no futuro, mas que hoje, vai dar tudo que pode pelo time.

“Honestamente, como vocês sabem, eu amo jogar. As pessoas ao meu redor podem dizer, ‘talvez um dia ele se torne um bom técnico e considere algo como isso.’ Certamente eu consigo ver isso acontecendo no futuro, mas isso ainda vai demorar.”

Pode ficar tranquilo, torcedor, o Iron Man ainda quer continuar jogando no Time da América.

“Eu tenho o melhor trabalho do mundo,” disse Witten. “Eu sei que quanto mais velho você fica e quanto mais tempo você está na liga, as pessoas começam a imaginar essas coisas. Eu estou me sentindo bem demais com o que estamos tentando fazer, não só nesse ano, mas nos anos que estão por vir.”

“Eu estou desfrutando e amando muito o que eu estou fazendo agora.”

Rafael Loureiro

Rafael Loureiro

Colaborador em Blue Star Brasil
Calouro, vindo de Santa Maria-RS, 18 anos, 6' 157 lbs e escolheu não correr o 40 yard dash. Viciado em NFL e apaixonado pelo Dallas Cowboys, agora compõe a equipe do Blue Star Brasil.
Rafael Loureiro