O atual elenco dos Cowboys não possuí hoje sequer um jogador com dez sacks na carreira. Na temporada passada, os Cowboys tiveram Greg Hardy com 34 sacks na carreira e Jeremy Mincey com 26 sacks, tudo isto antes da temporada de 2015. Ambos os jogadores agora são free agents, deixando o time em uma grave situação de pass rush. Este pode ser um fator preocupante para alguns torcedores do time. Segundo o site Pro Football Reference, os jogadores com mais sacks na carreira em Dallas são:

  • Rolando McClain: 9,5 sacks.
  • Orlando Scandrick: 9,5 sacks.
  • Tyrone Crawford: 8,0 sacks.
  • Demarcus Lawrence: 8,0 sacks.

Com números tão baixos, com dois jogadores de linha defensiva suspensos nas quatro primeiras rodadas (Demarcus Lawrence e Randy Gregory), o pass rush dos Cowboys na temporada pode ser um fator preocupante e determinante para o desempenho do time na temporada. Os dois jogadores que lideram a lista, um está suspenso por dez jogos (McClain) e Scandrick está voltando de uma grave contusão no joelho que o deixou de fora da temporada passada inteira.  Mas ao certo,  os dois últimos jogadores citados não possuem como característica principal ir atrás do quarterback, só costumam fazer isso em caso de uma formação de blitz. 

Mas algumas ponderações devem ser feitas. Grande maioria dos jogadores da linha defensiva de Dallas são jovens, com uma média de idade de apenas 26 anos.  Alguns jogadores possuem poucas temporadas na liga, outros nunca foram titulares de suas antigas equipes, o que não o fazem ter stats na NFL.

Uma solução que o Dallas Cowboys pode desenvolver é procurar jogadores na Free Agency. Alguns bons jogadores da posição ainda estão disponíveis no momento. O ex jogador de Dallas Henry Melton é uma boa peça para compor o elenco. Em 2015 Melton registrou cinco sacks nos nove primeiros jogos da temporada. Com muitas contusões, e um bom desempenho do companheiro de equipe Tyrone Crowford, os Cowboys decidiram cortar o jogador. Outro fator importante que deve ser citado é a importância que uma boa atuação da linha defensiva gera nos resultados dos jogos. A cada pressão feita pelos jogadores facilita o trabalho da secundária do time, precipitando o passe e forçando o quarterback adversário a tomar decisões mais rápidas. Outro papel importante dentro dos jogos seria o ataque da equipe. Dallas possuí uma bela linha ofensiva, considerada por muitos especialistas, como a melhor linha ofensiva da NLF. Com a quarta escolha do draft de 2016, os Cowboys draftaram o melhor prospecto na posição de running back, Ezekiel Elliott. Junto com Elliott, estão dois bons e experientes jogadores na posição para complementar o ataque, Alfred Morris e Darren Mcfadden, fazendo com que o time gaste o relógio em jogo. Com mais tempo dentro de campo, descansaria os jogadores de defesa, melhorando assim sua atuação dentro de campo.

Para um time que há menos de três temporadas estava acostumado a ter a máquina de sacks no time, Demarcus Ware (segundo jogador em atividade com mais sacks na carreira. Atrás somente de Julius Peppers), começar a temporada com tantas dúvidas na posição não é lá, muito animador.

Marcus Vinicius Tavares

Marcus Vinicius Tavares

Colaborador em Blue Star Brasil
Torce para os Cowboys desde 1995 e acompanha fielmente o time desde 2005. Curte o bom e velho rock and roll e tem como a comida favorita: Hamburger! Trocar idéia e beber uma gelada são seus passatempos prediletos.
Marcus Vinicius Tavares