O Dallas Cowboys venceu o Minnesota Vikings nessa última quinta-feira e se colocou ainda mais perto do título da divisão leste da NFC e de ter a melhor campanha da conferência NFC para os playoffs. É a 11ª vitória consecutiva da equipe, que só perdeu na abertura da temporada.

Você pode não saber, mas o número 11 tem um significado muito especial para o Dallas Cowboys. Em sua história, o time tem 27 campanhas com dez ou mais vitórias na temporada regular, todas resultadas em ida aos playoffs. Dessas vinte e sete, 18 terminaram com o time vencendo 11 ou mais partidas.

E nessas 18 campanhas, o time foi bem longe na pós-temporada.  Para se ter uma ideia, todos os Super Bowls conquistados vieram com campanhas com 11 vitórias ou mais, além de outra aparição em que o Dallas Cowboys saiu derrotado e não levantou o Troféu Lombardi.  Isso significa dizer que o time foi para a grande final da NFL em 33% das vezes que venceu 11 ou mais jogos.

E quando o time não chegou ao Super Bowl, ficou muito próximo disso. São 12 campanhas com 11+ vitórias que levaram o time pelo menos até a final da conferência NFC, algo que dá algo em torno de 66% das vezes.

Das eliminações precoces do time com recorde positivo de onze ou mais vitórias, apenas uma ocorreu na fase wild card nos playoffs (1983, contra o Los Angeles Rams). Considerando apenas a rodada divisional, foram os times da NFC Norte e o Rams que mais frustaram o Cowboys. Foram eliminações em 1976 e 1985 para o Rams e em 1991, 2011 e 2014 para times da NFC Norte (Lions, Vikings e Packers, respectivamente). A mais dolorosa foi em 2007, quando o time teve a melhor campanha da NFC e perdeu para a zebra New York Giants, que viria a ser campeão ao fim da temporada.

Atualmente com 11 vitórias e com mais quatro rodadas para o fim da temporada regular, o Dallas Cowboys pode fazer sua melhor campanha da história do time se vencer mais três jogos. O time já está ao menos garantido nos playoffs caso aconteça uma combinação de resultados nesse domingo.

Os números são animadores, mas não garantem que o time vá longe em 2016. Dão boas esperanças, entretanto. Confira abaixo uma tabela com todas as campanhas de mais de 10 vitórias do time desde 1966 (em negrito as temporadas que o time venceu o Super Bowl).

Campanha Ano Até onde foi? Adversário
10-3 1966 Final da NFL* Packers
12-2 1968 Final da Conferência Browns
12-2-1 1969 Final da Conferência Browns
10-4 1970 Super Bowl Colts
11-3 1971 Super Bowl Dolphins
10-4 1972 Final da Conferência Redskins
10-4 1973 Final da Conferência Vikings
10-4 1975 Super Bowl Steelers
11-3 1976 Divisional Rams
12-2 1977 Super Bowl Broncos
12-4 1978 Super Bowl Steelers
11-5 1979 Divisional Rams
12-4 1980 Final da Conferência Eagles
12-4 1981 Final da Conferência 49ers
12-4 1983 Wild Card Rams
10-6 1985 Divisional Rams
11-5 1991 Divisional Lions
13-3 1992 Super Bowl Bills
12-4 1993 Super Bowl Bills
12-4 1994 Final da Conferência 49ers
12-4 1995 Super Bowl Steelers
10-6 1996 Divisional Panthers
10-6 1998 Wild Card Cardinals
10-6 2003 Wild Card Panthers
13-3 2007 Divisional Giants
11-5 2009 Divisional Vikings
12-4 2014 Divisional Packers

 

*Final da antiga NFL, da era pré-Super Bowl

Tratando apenas de porcentagens, vemos abaixo como as chances de avançar nos playoffs aumentam com a quantidade de vitórias que o time conquista na temporada regular. Quando o Dallas Cowboys conquistou pelo menos 10 vitórias na temporada regular, o time chegou ao Super Bowl em apenas 33% das vezes, e vencendo em apenas 19% delas. Quando o time conquistou pelo menos 13 vitórias, o número de aparições em Super Bowl e a vitória em um sobem para 50%, um aumento significativo.

Os dados abaixo estão listados em porcentagem de vezes que o time foi eliminado em determinada fase da pós-temporada de acordo com o número mínimo de vitórias e quando não foi eliminado, isto é, campeão.

Rafael Freitas

Rafael Freitas

Fã do Dallas Cowboys desde 1996, sonha em ver o time de volta ao Super Bowl. Mais novo integrante do Blue Star Brasil
Rafael Freitas