Na sexta rodada da temporada regular, o Dallas Cowboys teve a sua bye week. E sem jogar nessa semana, qual foi o impacto disso nos Power Rankings americanos?

A resposta você vai conferir abaixo:

 

ESPN.com

espn

Posição: 12º (Variação: -3)

A próxima série de seis jogos dos Cowboys inclui viagens a Washington e Atlanta e jogos em casa contra Chiefs e Eagles, líderes das conferências. Não é uma tabela fácil, mas pode ficar ainda pior pelo fato de talvez terem de jogar sem o seu principal corredor.

 


 

Yahoo! Sports

yahoo-logoPosição: 14º (Variação: -1)

Os Cowboys não estavam indo bem com Ezekiel Elliott, o melhor jogador do time na temporada passada. Agora nós temos que considerar que Dallas ficará sem ele por seis jogos. Os Cowboys não tem mais a mesma linha ofensiva, e simplesmente não pode se jogar nesse contexto Darren McFadden ou Alfred Morris e esperar grandes números. A expectativa vai cair sobre Dak Prescott em manter os Cowboys na corrida para chegar aos playoffs. Uma grande responsabilidade para um jovem quarterback.

 


 

CBS Sports

cbs-sports-logo

Posição: 17º (Variação: -4)

Eles irão para San Francisco depois de não jogarem nessa última rodada. A situação de Ezekiel Elliott está pesando sobre esse time.

 


 

NFL.com

nfl-com-logo

Posição: 18º (Variação: 0)

Foi uma semana sem jogo para os Cowboys, mas aparentemente ninguém disse isso aos noticiários. A controvérsia envolvendo o hino nacional simplesmente não termina — e também não irá a suspensão de Ezekiel Elliott. O que irá acontecer nesse cado do Zeke? Aqui ninguém é formado em direito, então qualquer palpite pode ser válido. Se a suspensão for de fato inevitável, e considerando a campanha de 2 vitórias e 3 derrotas dos Cowboys até o momento nesta temporada, talvez não fosse melhor Dallas deixar a suspensão vigorar agora, ao invés de perdê-lo em 2018?  Que temporada estranha para essa organização.

 


 

Bleacher Report

bleacher-report-logo

Posição: 15º (Variação: -1)

O drama envolvendo a suspensão de Ezekiel Elliott colocou uma nuvem negra sob a bye week dos Cowboys. Essa nuvem não deve esconder o fato de que Dallas deu um passo atrás nessa temporada. Parte do problema é que Elliott não tem sido o mesmo corredor que ele foi há um ano atrás.

Os Cowboys ainda estão acima da média ofensivamente, e tem sido visto um grande crescimento do quarterback Dak Prescott. Ele precisa começar a entrar na conversa dos 10 melhores quarterbacks da NFL. Ele estaria ainda melhor se Elliott e a linha ofensiva estivessem jogando no nível em que eles jogaram em 2016.

O declínio de Elliott e da linha ofensiva ajudou a expor uma defesa que não tem muito talento.  Com exceção de Demarcus Lawrence, não existem muitos jogadores que fazem a diferença na defesa. A secundária é, na melhor das hipóteses, abaixo da média e uma deficiência, na pior delas.

Dallas perdeu nos últimos dois jogos quando tinha a liderança por larga vantagem no intervalo. Os Cowboys não podem continuar fazendo isso e esperar que estejam na corrida pelo playoffs. É por isso que Dallas precisa fazer com o que a linha e o ataque terrestre voltem a funcionar.

 


 

No ranking da USA Today, os Cowboys caíram duas posições, indo para o décimo-sétimo lugar.  Em sua avaliação, foi comentado que sobre a possível suspensão de Ezekiel Elliott e o impacto que terá sobre um time que viu todos os rivais de conferência ganharem essa rodada.

Eduardo Zamarian

Eduardo Zamarian

Colaborador em Blue Star Brasil
Gosto de ver todos os esportes, mas acompanhar o Dallas Cowboys e o Corinthians é obrigação diária. E também todo dia é dia de rock,bebê.
Eduardo Zamarian