Por que não nós?

Por que não nós?

800

O futebol americano no Brasil deu um boom entre 2006 e 2009. Ironicamente, quem escolheu torcer para os Cowboys, a partir de 2009, nunca tinha visto a equipe nos playoffs. Ainda mais irônico é o fato de muitos dos meus companheiros de podcast que, talvez entendam mais de NFL do que eu, também nunca terem visto os Cowboys.

Mas, hoje, isso mudou. Depois de um vitória inesperada dos Redskins contra os Eagles, os Cowboys estavam em posição de ir aos playoffs. Nós iremos. Já estamos lá. “Faça sua festa, torcedor dos Cowboys!”

Hoje, todo o nosso sofrimento foi recompensado. Não precisaremos mais esperar até a semana 17 para decidir nosso destino. Ele já está decidido.

E se engana aquele que pensa que os Cowboys decidiram o destino nesse icônico e inesquecível 21 de dezembro de 2014. Nosso destino foi decidido quando os jogadores decidiram acreditar na filosofia que Jason Garrett, nosso Head Coach, quis implantar: um time, não só fisicamente forte, mas também mentalmente.

Quem acompanhou os Cowboys nos últimos anos viu diversos jogos em que nós perdemos no último quarto. Quem não se lembra dos jogos contra o Green Bay Packers, Detroit Lions ou Denver Broncos?

Essa temporada foi diferente. Contra o New York Giants, Saint Louis Rams, Seattle Seahawks e muitos outros jogos, os Cowboys saíram atrás. Mas nunca se entregaram. Lutaram até o fim. Acreditaram um nos outros. Acreditaram nos seus técnicos.

Crença que, inclusive, era nula entre os “experts” da NFL no começo da temporada. Ninguém acreditava nos Cowboys. Nem mesmo muito de nós, meros torcedores. Felizmente, eu – sem querer me gabar – sempre acreditei nos Cowboys.

Antes de começar a temporada, pedi à minha namorada para fazer uma foto dos Cowboys escrito “Why Not Us?” (Por que não nós?). Essa foto viralizou entre os torcedores. Virou capa de profiles no Facebook e Twitter.

E por que não a gente? Por que ninguém acreditava na gente? Quantas vezes teremos que provar que o futebol americano é um esporte em que tudo pode acontecer? Os Cowboys aconteceram. Nós não somos um acidente (Chupa, Stephen A. Smith).

Aproveite esse momento, torcedor. Aproveite porque foi dura a caminhada durante os anos, mas esse sentimento de vitória faz tudo valer a pena. Você é campeão.

Entretanto, engana-se aquele que acha que a luta acabou. Ela apenas começou. Tudo o que fizemos até agora não valerá em nada se cairmos nos playoffs. Vamos com tudo para cima. Vamos jogar com alma e o coração, porque o Super Bowl é a nossa obsessão.

E quando alguém falar que os Cowboys não irão longe, faça-me o favor e devolva a afirmação com a pergunta: Por que não nós?

Rafa Yamamoto

Rafa Yamamoto

Dono do posto de editor mais bonito do Blue Star Brasil, Rafa Yamamoto é redator e apresenta o Podcast.
Rafa Yamamoto