Cinco jogadores do Cowboys foram nomeados ao Pro Bowl no começo da semana, mas a discussão acabou centralizando em um problema: a ausência de Sean Lee entre os escolhidos.

Lee foi nomeado para seu primeiro Pro Bowl na temporada passada e está classificado em segundo na NFL no quesito tackles. Isso inclui seu jogo com 22 tackles creditados contra o New York Giants, o maior da história por um jogador do Cowboys.

“Sou um cara competitivo, mas ao mesmo tempo, os caras que foram nomeados são ótimos”, disse Lee no sábado depois do último treino de preparação para o jogo de segunda-feira contra o Detroit Lions. “É um jogo difícil de ser escolhido, e para mim, ser capaz de jogar nessa época do ano, eu não pude fazer isso muitas vezes. Ser capaz de jogar num time como esse é uma verdadeira benção”.

Os companheiros de time e técnicos de Lee elogiaram seu rendimento e sua liderança desde que foi anunciado o elenco do Pro Bowl.

“Minha opinião e a de toda a comissão técnica defensiva e do time é que Sean Lee está jogando melhor que qualquer um no nosso time. Ele está jogando melhor que qualquer um na NFL nesse momento”, disse o técnico Jason Garrett. “Tudo que você precisa fazer é ver vídeos de seu jogo. Só veja ele anotar 12, 15, 18, 22 tackles por semana na NFL. É difícil fazer isso. Ele é um líder para nós.

Lee e o Cowboys (12-2) garantiram o título da NFC East e a vantagem de se jogar em casa durante os playoffs. Será a primeira experiência de Lee em jogos de pós-temporada, já que ele perdeu a temporada de 2014 inteira por romper o ligamento cruzado anterior de seu joelho, e isso inclui os jogos de playoffs do time.

“Estou animado”, disse Lee. “Esse é o motivo de nessas próximas semanas eu achar um jeito de melhorar, para que eu continue melhorando individualmente e defensivamente.”

Gabriel Plat

Editor-Chefe em Blue Star Brasil
Curte NFL por escolha e o Dallas Cowboys por amor. Aprecia a boa música e compartilha outro sofrimento: o Botafogo. Um dos participantes do podcast.