O Dallas Cowboys às vezes me decepciona, mas o Philadelphia Eagles/Washignton Redskins nunca.

É com essa frase clichê mas muito sensata e apropriada que re-inauguramos a sessão Secada da Rodada aqui no Blue Star Brasil.

Nela, analisaremos as partidas dos quatro fregueses rivais de divisão dos Cowboys na rodada, apontaremos os acertos e erros dos times até aqui e daremos uma previsão realista e outra um pouco clubista do que é preciso que aconteça para o insucesso dos nossos rivais.

Neste domingo, falaremos das partidas entre New York Giants X Los Angeles Chargers e Philadelphia Eagles X Arizona Cardinals. O Washington Redskins está em sua rodada de Bye nesta semana. Sem mais delongas, vamos as análises.

NEW YORK GIANTS (0-4)

Adversário da rodada: Los Angeles Chargers (0-4), em NY. 14hs do horário de Brasília.

O New York Giants é a maior decepção da NFC East neste primeiro mês. Todos esperavam uma melhora do time que chegou aos playoffs no ano passado carregado pela excelente defesa. O time contratou o experiente wide receiver Brandon Marshall para ajudar Odell Beckham Jr e Eli Manning e apostou no draft no bom tight end Evan Ingram para bloquear e receber passes. O problema (para nós, a maravilha) é que a linha ofensiva dos nova-iorquinos simplesmente não funciona.

E se ela não funcionar novamente neste domingo, o resultado será a quinta derrota dos Giants no ano. Isso porque apesar de também não ter nenhuma vitória e de ter muitos problemas, o Los Angeles Chargers é o terceiro melhor time da NFL em números de sacks conquistados com 12 no total. Melvin Ingram, Chris McCain e Joey Bosa não devem dar sossego ao atrapalhado Ereck Flowers.

A chave para os Chargers é tentar conter os wide receivers nova-iorquinos. Sterling Shepard e Evan Ingram tem feito um bom trabalho até aqui. Mas a estrela do time ainda não deslanchou.  Odell Beckham Jr ainda não teve nenhum jogo para mais de 100 jardas e deve ter dificuldades nesse domingo já que terá um difícil duelo contra o defensive back Casey Hayward. O jogador foi muito bem marcando Alshon Jeffrey no último domingo contra o Philadelphia Eagles.

Outro ponto crucial para os Chargers é o jogo corrido. O time não conseguiu correr bem com a bola em 4 jogos, tendo uma média de 67.5 jardas por partida, terceira pior marca da NFL. Não correr com a bola no Metlife Stadium significa fazer Philip Rivers ir para o passe muitas vezes e isso contra a excelente secundária dos Giants pode ser fatal. A boa notícia para o time de Los Angeles (como é estranho dizer Los Angeles e não San Diego) é que a defesa dos Giants é quarta pior da NFL contra o jogo corrido. São 142.5 jardas por jogo. Vai que é tua, Melvin Gordon.

Previsão realista: Infelizmente achamos que os Giants vencerão o confronto. Os Chargers costumam ir mal contra times da Costa Leste. Odell Beckham Jr não ficará 4 jogos sem passar das 100 jardas e o jogo corrido dos Chargers continuará sofrendo problemas. Placar final: Giants 27 x 17 Chargers

Previsão clubista com secada level hard: O jogo será equilibrado. Odell Beckham terá uma grande tarde assim como Melvin Gordon. A defesa dos Chargers pressionará Eli Manning que cometerá turnovers, como de costume. O Giants assumirá o controle da partida nos últimos minutos do quarto período, mas O Los Angeles Chargers vencerá no fim com um field goal longo, para tirar a zica de perder jogos “imperdíveis” no fim. Placar final: 29 a 27 Chargers e Owen Five (0 and 5) MVP dos Giants em 2017

PHILADELPHIA EAGLES (3-1)

Adversário da rodada: Arizona Cardinals (2-2), na Philadelphia. 14hs do horário de Brasília.

O Philadelphia Eagles começou muito bem o ano para alegria dos seus torcedores, em especial este aqui que sempre nos brinda com excelentes vídeos após derrotas para os Cowboys. O jogo corrido tem sido chave no sucesso do time até aqui. LeGarette Blount se adaptou bem ao esquema ofensivo e faz um ataque temoroso ao lado do calouro Wendell Smallwood. Juntos, os dois fazem dos Eagles o terceiro melhor ataque da NFL com 143 jardas por jogo. Isso facilita demais a vida de Carson Wentz que tem feito boas leituras.

A boa notícia é que os Cardinals estão fazendo um bom trabalho defensivo contra o jogo terrestre (Isso foi observado na partida contra os Cowboys, quando Ezekiel Elliott teve um jogo bem modesto). São apenas 88 jardas cedidas por partida, décima melhor marca da NFL.

O problema é que a proteção a Carson Palmer é um desastre. Basta ver o que Demarcus Lawrence e a defesa dos Cowboys fizeram na semana 3. A defesa dos Eagles é boa e não deve dar sossego ao veterano quarterback. Além disso, o Cardinals  é o time que pior corre com a bola na NFL, muito em função da lesão do running back David Johnson.

Por outro lado, a secundária dos Eagles vem sofrendo neste primeiro mês. É a terceira pior contra o jogo aéreo cedendo 285 jardas por partida. Além disso, Carson Palmer lidera o terceiro melhor ataque aéreo da NFL até aqui. Algo louvável para alguém sem proteção e sem jogo terrestre.

Previsão realista: Os Eagles devem levar esse confronto. O time é bem arrumado tanto na defesa como no ataque e conta com um quarterback que se mostra mais maduro em sua segunda temporada. Enfrenta em casa um time sem seu maior running back com uma linha ofensiva muito fraca. Placar final Eagles 25 x 20 Cardinals

Previsão clubista com secada level hard: A Linha ofensiva dos Cardinals irá comer o espinafre do Popeye e blindar Carson Palmer como nunca. Larry Fitzgerald e Jaron Brown terão 300 jardas somadas e a linha defensiva comandada por Chandler Jones conseguirá parar o jogo terrestre e importantes descidas na redzone. Placar final Eagles 23 X 27 Cardinals

Rafael Freitas

Rafael Freitas

Fã do Dallas Cowboys desde 1996, sonha em ver o time de volta ao Super Bowl. Mais novo integrante do Blue Star Brasil
Rafael Freitas