Olá secadores do Blue Star Brasil. Estamos de volta com o Secada da Rodada, o quadro mais prazeiroso do Blue Star Brasil.

E nesta semana 9, teremos bastante trabalho. Os três rivais dos Cowboys entram em campo nesse domingo e 3 derrotas seriam cruciais para nós.

Vamos analisar os jogos de Eagles, Redskins e Giants e ver o que é necessário que ocorra para que os três saímo-nos derrotados.

Vamos lá:

 

Philadelphia Eagles (7-1)

Adversário: Denver Broncos (3-4)

Local: Lincoln Financial Field, Philadelphia

Data e Horário: Domingo, 15hs do horário de Brasília.

 

A impressão que temos é que o Denver Broncos incorporou o demônio na partida contra os Cowboys e depois voltou ao normal. Desde então, a equipe do Colorado não conseguiu repetir as boas atuações.

Trevor Siemian foi para o banco após um jogo lamentável na última semana com muitos turnovers e dá lugar a Brock Osweiler.

Isso pode ser uma boa notícia. Osweiler pode entrar inspirado e não ser engolido pelo forte front seven dos Eagles. É uma oportunidade para o jogador tentar tomar a posição de titular.

O jogo corrido de Denver com C.J. Anderson terá que funcionar. Essa é a chave para o sucesso de Osweiller. Na semana passada, falamos o mesmo para o San Francisco 49ers. Mas há uma diferença muito grande entre o time da Califórnia e o do Colorado.

Os Broncos possuem o nono melhor ataque terrestre da NFL, com 123.4 jardas por partida. Apesar de não ter passado de 100 jardas nos últimos 3 jogos e de enfrentar a melhor defesa contra o jogo terrestre, é possível imaginar um jogo melhor neste domingo.

A defesa terá que repetir a partida de gala que teve contra o Dallas Cowboys. E isso é bem viável, já que estamos falando da melhor defesa da NFL (apenas 261 jardas cedidas por partida). Carson Wentz continua jogando muito bem e mostrou que sabe sair de situações complicadas. Ainda assim, ainda apresenta algumas leituras erradas como todo jogador iniciante. Von Miller e cia serão um teste e tanto para o quarterback ruivo dos Eagles.

Secada Realista: Imaginamos que a chance dos Broncos ganhar na Philadelphia é bem pequena devido aos constantes problemas ofensivos. Entretanto, pensávamos o mesmo do New York Giants na partida contra o mesmo Denver Broncos no Colorado. Portanto, vamos concentrar nossas forças e mandar energia para Osweiler e C.J. Anderson fazerem uma grande partida, para que a melhor defesa da NFL faça Carson Wentz e LeGarrete Blount / Jay Ajayi comerem grama e cometerem turnovers. Jogo defensivo com placar final 17 a 16 a favor dos Broncos, com um touchdown do “Brockão da Massa” no último drive.

Secada Level Hard: Tudo que falamos acima + o fantasma do passado do Eagles cometendo erros bobos e turnovers em horas cruciais. 27 a 14 Broncos com Brock Osweiler transformando as recuperações de bola da defesa e fazendo a alegria dos que o escolheram no Fantasy.

 


 

Washington Redskins (3-4)

Adversário: Seattle Seahawks (5-2)

Local: Century Link Field, Seattle

Data e Horário: Domingo, 19h05 no horário de Brasília

O time da capital americana foi derrotado pelos Cowboys na semana passada. Pete Carroll certamente viu o que os Cowboys fizeram e certamente repetirão a estratégia neste domingo.

Contra os Cowboys, Cousins foi pressionado o tempo inteiro. Isso é fundamental para que o bom ataque dos Redskins não avance.

Mesmo assim, Cousins encontrou Jamison Crowder diversas vezes durante o jogo. A diferença é que o Seattle Seahawks tem uma secundária muito mais intimidadora do que a dos Cowboys, o que pode favorecê-los na partida.

Secada Realista: A defesa de Seattle sem dúvidas não é a mesma máquina do passado. Em compensação, Russell Wilson vem melhorando a cada ano e teve uma grande partida da semana passada. Vamos torcer para que ele repita a atuação e para que a “Legion Of Boom” tenha uma boa atuação diante dos Redskins. 26 a 19 Seattle.

Secada Level Hard: Legion of Boom all the way. Muita pressão em cima de Cousins, muitos turnovers. False starts por conta do barulho e intercepções. Wilson aproveita o que a defesa lhe oferecer. 30 a 13 Seahawks.

 


 

New York Giants (1-6)

Adversário: Los Angeles Rams (5-2)

Local: Met Life Stadium, New Jersey

Data e Horário: Domingo, 16h no horário de Brasília.

Nesta semana, devemos secar o Los Angeles Rams.

Sim, é isso que você leu.

Devemos torcer para o nosso rival ganhar o jogo.

Isso porque o Giants já é uma carta fora do baralho na NFC Leste. Com uma vitória e 6 derrotas (duas delas para times da divisão) e com uma linha ofensiva ruim e sem o principal jogador, é improvável que os novaiorquinos ganhem 8 dos últimos 9 jogos e tenham chance de alguma coisa.

Para nós, é importante que não só os rivais de divisão percam, mas também os concorrentes direto para uma vaga nos playoffs.

E este é o caso do Los Angeles Rams.

Se a temporada terminasse hoje, estaríamos atrás deles e ainda temos a desvantagem do confronto direto. É importante que eles percam partidas teoricamente fáceis contra times de campanha ruim.

Não será fácil uma vitória dos Giants. O front seven dos Rams tem mais qualidade que a linha ofensiva dos Giants e devem se sobressair. A esperança são as chamadas big plays. Evan Engram vem fazendo um bom trabalho até aqui e Sterling Shepard já mostrou boa sintonia com Eli Manning. Temos que torcer para a linha ofensiva dos Giants dar tempo a Eli Manning lançar bolas longas e anotar pontos.

O problema é que os Rams são muito bons em big plays. São 55 jogadas de longa distância, melhor marca da NFL. Isso ajuda os Rams a ser o segundo time que mais marca pontos na liga.

A defesa dos Giants terá que jogar como jogou contra os Broncos em Denver mesmo desfalcada de Janoris Jenkins, um dos principais jogadores, suspenso.

Secada Realista: É difícil ver o Giants ganhando  essa partida. Mas como já dissemos, era difícil vê-los derrubando os Broncos fora de casa. Energias para que Eli Manning incorpore o irmão, ou até mesmo ele mesmo no Super Bowl em que venceu o invicto New England Patriots. A defesa segura o quanto pode eo s Giants vencem por 33 a 30 numa partida eletrizante.

Secada Level Hard: O time de Los Angels sente a fading da viagem e a diferença de temperatura da costa oeste para a costa leste e faz uma partida irreconhecível. Ereck Flowers atuará como Tyron Smith e Eli Manning reviverá seus dias de glórias Giants 27 x 17 Rams.

Rafael Freitas

Rafael Freitas

Fã do Dallas Cowboys desde 1996, sonha em ver o time de volta ao Super Bowl. Mais novo integrante do Blue Star Brasil
Rafael Freitas