Darren McFadden não está se queixando do seu papel no Dallas Cowboys.

O veterano running back disse que sente como se ele pudesse contribuir mais, mas ele não é de questionar as decisões técnicas. Ou a sua própria escolha em renovar o seu contrato com o Cowboys nesta última temporada.

“Eu amo isso aqui. Estou feliz em estar aqui”, disse McFadden. “Esta é apenas um das situações em que estou, e eu tendo que levá-la um dia de cada vez e lidar com isso”.

McFadden, de 30 anos, achou que poderia ser mais acionado no último domingo contra o Atlanta Falcons. Depois de estar inativo para os oito primeiros jogos, agora faz parte de um comitê onde há um lugar vazio deixado após a suspensão de Ezekiel Elliott.

Entretanto, na maior parte do último jogo, Rod Smith e Alfred Morris foram quem estiveram maior número de jogadas. Smith participou de 38 dos 63 snaps ofensivos, carregou a bola 3 vezes para 14 jardas e 4 recepções para 15 jardas.

Morris foi o stater da partida e teve maior parte das carregadas (11 corridas para 53 jardas) e jogou 22 snaps. McFadden, enquanto isso, jogou apenas 1 snap – que ainda resultou na perda de 2 jardas em uma corrida.

“Eu não sabia o que esperar ao entrar”, disse McFadden. “Então era o que tinha que ser, cara”.

McFadden não sabe se ele vai conseguir participar de mais corridas pela frente, ou se este é o tipo de carga ofensiva que os técnicos pretendem continuar dando a ele.

Mas DMC reiterou que ele está saudável e sente como se ele pudesse ser mais eficaz com mais oportunidades de corridas. Ele acredita que ainda pode ser tão produtivo quanto foi em 2015 quando correu para 1.089 jardas com o Dallas Cowboys.

“Definitivamente é só conseguir uma oportunidade,” disse o running back. “Sempre que derem a mim, eu vou estar pronto para isso”.

Karolyne Brum
Sigam-me

Karolyne Brum

Colaboradora em Blue Star Brasil
Estudante de Administração. Apaixonada por NFL desde 2012 e fanática pelo America's Team desde então. É colaborada do NFL Luluzinha e se juntou ao Blue Star Brasil, atualmente sendo a única garota da equipe.
Karolyne Brum
Sigam-me