Tony Romo participa de treino e Jerry Jones diz que ele joga

Tony Romo participa de treino e Jerry Jones diz que ele joga

246

(foto: Tim Ireland/AP Photo)

 

quarterback Tony Romo finalmente parece estar pronto para voltar a campo. Nessa quinta-feira, Romo treinou pela primeira vez desde a lesão nas costas na partida contra o Washington Redskins.

Enquanto Jason Garrett, head coach do time, ainda não confirmou sua presença no jogo de domingo, Jerry Jones, dono e general manager do time, disse que ele joga.

“Eu antecipo que ele joga, não há razão para pensar que ele não (vá jogar), e isso vai ser uma boa sessão de treinos para ele hoje”, disse Jones. “Mas minhas expectativas são de ele jogar”.

Quando perguntado se ele vai jogar domingo, Romo disse: “Veremos. Eu acho que vamos ver dia-a-dia e ver o que acontece quando chegamos perto (da hora do jogo). Está melhorando (a recuperação) a cada dia. Nós fizemos algumas coisas hoje que foram positivas. Se continuarmos indo nessa direção, nós temos uma boa chance.”

Durante a parte aberta do treino para a imprensa hoje, Romo lançou passes e participou de drills individuais, assim como nos on-air team drills. Ele também participou de treinos leves nos últimos dias. De qualquer forma, Tony Romo foi listado com participação limitada no treino de hoje.

“Nós esperamos fazer o que tiver que fazer para ter ele em campo no treino de quinta”, disse Garrett antes do começo do treino. “No andar da semana, se Romo se sentir bem com a carga do treino ele jogará domingo. Mas vamos levar a situação dia-a-dia”.

“Em qualquer momento que ele possa jogar, nós queremos que ele jogue”, disse Jerry Jones. “Nós somos um time melhor com ele jogando. E tanto quanto os jogos importantes, eu digo sobre, mas esses jogos, nós não jogamos muitos deles. Você sabe isso. E cada um dos jogos conta muito.”

“Invariavelmente a qualquer momento que você perca um desses jogos na temporada regular, a nossa experiência, especialmente nos últimos anos, é que precisamos de todas as vitórias que podemos conseguir. Não tem algo como prendê-lo e deixar passar uma grande chance de vencermos”, finalizou.

Gabriel Plat

Editor-Chefe em Blue Star Brasil
Curte NFL por escolha e o Dallas Cowboys por amor. Aprecia a boa música e compartilha outro sofrimento: o Botafogo. Um dos participantes do podcast.