Este é um texto traduzido e adaptado de relatórios dos analistas do Dallas Cowboys:

O Dallas Cowboys tem sofrido com problemas em sua linha defensiva. Além da suspensão de jogadores importantes na rotação do setor, a equipe nesta terça-feira (08) sofreu com outro revés. O defensive end Tyrone Crawford sofreu uma entorse no tornozelo direito e saiu mais cedo do treino.

Mas houve outros momentos de destaque a serem considerados:

  • Jason Witten continua encontrando espaço na redzone. Treinando contra Sean Lee, ele conseguiu permanecer ativo enquanto Dak Prescott se movimentava no pocket procurando por alguém desmarcado. Prescott finalmente viu Witten livre no fundo da endzone e lançou em sua direção. Sem muito tempo para reagir, Witten pôs uma das mãos no peito de Lee para conseguir uma pequena separação e então subiu com ambas as mãos, garantindo a recepção.
  • Um dos maiores jogadores desta defesa em termos de reação é Anthony Hitchens. A jogada que ele efetuou enquanto treinava contra Dez Bryant só obteve sucesso por causa da sua capacidade de reagir rapidamente. Na jogada, Hitchens estava na cobertura homem a homem e correu uma flat para marcar Keith Smith. À sua esquerda, Bryant traçava uma rota slant, onde Dak Prescott tentou mandar a bola. Hitchens teve a consciência de enfiar a mão no ar exatamente no momento em que Bryant estava passando por trás dele. O linebacker acabou desviando a bola e o passe foi incompleto.
  • Scott Linehan está lidando muito bem com as blitzes. Em uma jogada, a defesa mandou tanto um cornerback quanto um linebacker para pressionar o quarterback. Tyron Smith, Byron Bell e Travis Frederick permitiram a pressão sobre Dak Prescott, que lançou rapidamente para Cole Beasley atrás da linha de scrimmage, com Dez Bryant à sua frente abrindo o caminho. Bryant bloqueou Leon McFadden, enquanto Beasley, já protegido pela linha ofensiva, avançava pelo campo para o ganho de jardas. Foi uma jogada bem executada e na oportunidade exata.
  • drill de pass rush 1-contra-1 se tornou mais interessante agora que Maliek Collins está de volta aos treinos. Collins é o único jogador que dá trabalho para Zack Martin. Quando esses dois se confrontam, qualquer um pode sair vencedor. Na terça-feira Martin conseguiu se sair melhor, neutralizando rapidamente Collins, bloqueando-o com suas mãos.
  • Kellen Moore tomou uma decisão terrível durante as jogadas de play action. Ele jogou a bola tarde demais e atrás de Brian Brown, o que resultou em uma interceptação de Kavon Frazier. Na jogada, Taco Charlton conseguiu se livrar de Kadeem Edwards num movimento de rotação, o que obrigou Moore a se mover para a esquerda. Ao invés de jogar a bola na sideline, Moore lançou para o meio do campo. Brown não teve a menor chance de fazer a recepção pois a bola foi muito atrasada. Frazier estava em uma posição melhor e acabou interceptando a bola.
  • Como dito acima, Tyrone Crawford torceu o tornozelo direito no treino. T-Craw estava perseguindo Ezekiel Elliott no lance. Inicialmente ele conseguiu escapar de Jason Witten e se ajustou à inversão de Zeke. Ao plantar o pé no chão, Crawford virou o pé quando a jogada já estava chegando ao fim.
  • Ezekiel Elliott é um bom bloqueador para jogadas de passe, mas não é bom o suficiente para bloquear dois blitzers vindo de diferentes lados. Na jogada, Orlando Scandrick e Chidobe Awuzie correram em direção a Dak Prescott. Elliott estava alinhado à direita de Dak, que foi o lado por onde Awuzie correu, mas o running back preferiu tomar a arriscada decisão de cruzar o pocket para bloquear Scandrick. Ele fez a coisa certa ao tentar proteger o lado cego de Prescott, mas Awuzie acabou ficando livre para avançar sobre Prescott, que soltou rapidamente a bola para evitar o sack.
  • É incrível como Cole Beasley consegue jogar bem na redzone. A sua velocidade e explosão em um curto espaço o torna difícil de bater. Beasley estava alinhado atrás de Jason Witten no slot, e quando Witten correu sua rota, conseguir levar consigo Sean Lee e Chidobe Awuzie. Com o espaço se abrindo, Beasley ficou no mano a mano com Leon McFadden, traçou uma rota flat e depois correu para o plano de gol, deixando seu marcador comendo poeira. Prescott lançou para ele, que já estava totalmente livre.
  • Houve uma jogada no treino 7-contra7 em que eu queria ter visto Rico Gathers colocar as duas mãos na bola para receber um passe de Dak Prescott. Gathers conseguiu uma pequena separação de Byron Jones, mas quando a bola foi lançada Gathers tentou capturá-la ao estilo Odell Beckham Jr., colocando apenas uma mão no ar. A bola estava num lugar onde ele conseguiria completar o passe se ele tentasse agarrá-la com as duas mãos, mas infelizmente ele desperdiçou a chance que teve.
  • Além de Tyrone Crawford, outro jogador que não completou o treino foi Cedric Thornton. O jogador deixou os gramados mas ainda não se sabe o motivo.

 

RELATÓRIO DE LESÕES

Não treinaram:

LB Justin Durant (NFI)
OT Chaz Green (ombro)
CB Jourdan Lewis (isquiotibiais)
CB Anthony Brown (isquiotibiais)
OG Joe Looney (dedo do pé)
LB Jaylon Smith (descanso)

Deixaram o treino:

DE Tyrone Crawford (tornozelo)
DT Cedric Thornton (isquiotibiais)

Voltaram a treinar:

DE David Irving (tornozelo)
DE Charles Tapper (quadris)
DT Maliek Collins (quadril)
DE Benson Mayowa

 

Você pode acompanhar a cobertura completa da offseason do Dallas Cowboys aqui no Blue Star Brasil.

Márcio Silveira
Sigam-me

Márcio Silveira

Colaborador em Blue Star Brasil
Torcedor do Dallas Cowboys desde 2011, quando passou a acompanhar a NFL. Sonha em ver o time no Super Bowl cada vez que a temporada começa.
Márcio Silveira
Sigam-me